Carros usados vendem 5 vezes mais

Para cada automóvel zero vendido, 5 carros usados são negociados. Veja mais detalhes

Fotos: Bruno Guerreiro | Texto: Joel Leite | Adaptação web Renê Sabá

Compartilhe esse conteúdo

Os lançamentos atraem a atenção do público, mostram as novidades do mundo do automóvel, as novas tecnologias sobre rodas e encantam o consumidor. Não há dúvidas de que a indústria é um formidável motor da economia, com uma participação  invejável de 4% do PIB do País e 22% do PIB industrial. Mas é o mercado de carros usados que move o moinho.

Em 2017 foram vendidos mais de 10 milhões de carros usados, uma média de 900 mil por mês, cinco vezes mais do que o volume negociado de carros novos. Se Onix, HB20, Ka, entre outros, são o sonho de consumo dos consumidores de carros novos, a maioria dos compradores ainda sonha com um usado, quando muito carros semi novos, um carro já depraciado, com um preço mais adequado ao seu orçamento, mas ainda com muia lenha para queimar. Afinal, apenas 1% da população compra carro zero. A maioria tem no setor de usados a sua principal opção de compra. 

Para cada carro zero vendido, 5 usados são negociados. Assim, enquanto o zero quilômetro mais vendido chega a 18 mil unidades por mês ( no caso do Onix), o usado mais vendido, o Gol, fecha 2017 com quase 1 milhão de unidades comercializadas. 



Comentários