Perdeu o documento? Saiba o que fazer

Veja dicas de como agir corretamente nessa situação

Foto: Divulgação

Perda, furto, roubo, má conservação... Se o documento do seu carro se enquadra em um desses casos, não se desespere. Basta apenas ir ao posto de serviço mais próximo de sua casa e solicitar a segunda via do Certificado de Registro do Veículo (CRV). Veja como proceder, saiba quanto vai doer no seu bolso e tire suas dúvidas.

1º PASSO

Dirija-se à unidade de trânsito da sua cidade com a documentação necessária para preenchimento do formulário Renavam e para realizar as pesquisas necessárias e consulta de possíveis bloqueios e restrições existentes.

OUTROS

Se o proprietário do veículo não puder comparecer pessoalmente, o requerimento pode ser feito pelo procurador do proprietário ou parentes próximos (cônjuge, pais, filhos e irmãos).

VISTORIA

O terceiro passo é levar o veículo para a vistoria. Basta ir em um Empresa Credenciada de Vistoria (ECV). Para tal, consulte o site do Detran do seu estado.

BANCO

Dirija-se a uma agência bancária de posse do CRLV (Certificado de Registro de Licenciamento do Veículo) ou do número do Renavam para pagar taxas referentes à segunda via do CRV e ao licenciamento, quando for o caso. O banco levantará os possíveis débitos referentes ao seguro obrigatório, multas e IPVA. Havendo débitos, efetue o pagamento no banco. Se o licenciamento do ano em curso ainda não tenha sido realizado, a taxa referente é de R$ 261,41. Caso contrário, o valor cai para R$ 181,34.

DOCUMENTAÇÃO

Identidade e CPF são os básicos. Comprovante de residência e o laudo da vistoria também. Além disso, você precisará do Formulário Renavam, que deve ser preenchido pelo atendente do posto de serviço ou pela internet. Consulte o site do Detran do seu estado. E lembre-se: é preciso original e cópia dos documentos.

TAXA

Em caso de perda, você deve preencher o formulário que consta no site do Detran. Em caso de furto ou roubo, leva o Boletim de Ocorrência (original e cópia). Em alguns Estados, a taxa pode ser isenta em caso de furto ou roubo.

Compartilhe esse conteúdo



Comentários