fechar X
Assine

Por Fernando Miragaya // Fotos: Auto Home e Divulgação

O mercado chinês vende carro aos borbotões e adora um sedã. Nada mais natural que as mudanças   em determinados modelos comecem por lá, como é o caso do C4 Lounge (chamado apenas de C4L na China) flagrado pelo site Auto Home. O modelo médio da Citroën muda bem o desenho da frente, mas o Brasil só o conhecerá no ano que vem, apesar de a filial brasileira dizer oficialmente que não há qualquer plano de mudança para o carro feito na Argentina.

Ok, a gente sabe (a Citroën e a população da China também) que o C4 Lounge não consegue – nem tem pretensão – de brigar de igual com os líderes do segmento, Toyota Corolla e Honda Civic. Mas ninguém é bobo de não se renovar neste lucrativo e competitivo mercado. Ainda mais a Citroën com o C4, modelo que passa mais sofisticação que a média geral da concorrência

EM TRÊS VOLUMES

É justamente o que a marca busca com esse face-lift.  Mais sofisticação. E conseguiu. A frente do sedã agora está toda integrada. Os faróis perdem os recortes e agora têm lentes em linhas mais contínuas, que se juntam à grade frontal com a spontas angulosas, em um desenho mais orgânico.

Abaixo, o para-choque do C4 Lounge também muda a disposição do design. Os acabamentos pretos que abrigam os faróis de neblina deixam de ser independentes e se integram às molduras da entrada de ar auxiliar. Repare no abuso dos detalhes cromados.

Cromados também surgem nas maçanetas e frisos laterais – vale lembrar que o público chinês se amarra nessas coisas e muitos destes detalhes devem ficar restritos ao carro de lá. Na traseira só muda o para-choque, com desenho mais limpo, sem seções ou cortes.

Essas mudanças deixam o C4 discretamente maior. O sedã está 5 cm mais comprido (4,67 m), enquanto o entre-eixos se mantém em 2,71 m. Não há flagras do interior do modelo, mas a expectativa é de mudanças no quadro de instrumentos e no revestimento de portas e bancos. Para o Brasil, continuam os motores 1.6 turboflex de 173 cv e 2.0 aspirado de 151 cv.

 Espere para ver estas mudanças só na linha 2018 do C4 Lounge, que chegará ao Brasil em meados de 2017. Até lá, a Citroën vai impulsionar a venda do sedã na base de séries especiais (estão previstas duas para este ano) e promoções.

Citroën C4 LoungeEu sou assim: no sedã atual, os faróis são destacados e a grade mais retinha

Leia também
Comente!*