fechar X
Assine

Por Marcelo Moura // Fotos: Divulgação

Caiu nas mãos da GM a chance de inaugurar o Salão do Automóvel 2016. Com um estande imponente (aproveitando a mudança do evento do Anhembi para o São Paulo Expo, na Zona Sul da capital paulista), a marca apresentou pela primeira vez sua linha 2017 completamente renovada. Entre as maiores novidades estão os novos Tracker, Cruze Sport6 e Camaro.

Ainda sem preço definido, o novo Tracker será lançado no Brasil no fim de novembro em duas versões: LT e LTZ. Com design alinhado com o visto recentemente no novo Cruze, traz também o motor 1.4 turbo flex com injeção direta e 153 cv, transmissão automática de seis marchas e sistema Start/Stop.

Outro que desembarca nas próximas semanas é o Cruze hatch, que em sua segunda geração mantém o sobrenome Sport6. Além do design com a nova identidade visual da Chevrolet, ganhou opção de teto solar, novos serviços OnStar, rodas de 17 polegadas e acerto de suspensão.O motor é o mesmo do irmão sedã: 1.4 turbo de 153 cv que trabalha em conjunto com o câmbio automático de seis velocidades.

Primeira estrela da trinca a ser apresentada aos jornalistas - a sexta geração do Camaro foi apresentada oficialmente há mais de um ano, em maio de 2015 -, o esportivo não apresentou grandes novidades no desenho, mas trouxe alterações estruturais que reduziram o peso em 90 kg, enquanto a rigidez torcional aumentou 28%. 

O esportivo chega ao Brasil primeiro na versão Fifty, que custará R$ 297 mil e comemora os 50 anos do carro. O motor é o já conhecido V8 6.2 de 461 cv e 52,9 mkgf de torque, acoplado ao câmbio automático de oito marchas.

Além dos três grandes destaques, a GM preencheu o seu estande com o elétrico Bolt, apresentado como showcar, além de conceito como o Cobalt Midnight e a S10 Xtreme.
Leia também
Comente!*