lancer

A Mitsubishi vai ter que atrasar o cronograma de lançamento da nova geração do sedã Lancer por causa dos cortes de gastos. Em vez de respeitar o ciclo de vida de cinco anos, terá de adotar um de sete dessa vez, priorizando modelos mais lucrativos, comentou o gerente de produto da marca, James Tol, durante o lançamento do crossover Outlander na Austrália. Mas o protótipo do novo modelo já está em estudo e deverá ficar pronto para ser mostrado pela primeira vez ao público no Salão de Tóquio (Japão), em novembro do ano que vem, provavelmente como híbrido de tração integral.

Ao contrário da geração atual, o novo Lancer não terá visual tão agressivo. A marca japonesa decidiu adotar uma nova linha com aspecto mais amigável. Além disso, também não vai aplicar a mesma identidade visual em todos os seus modelos, assim como tem feito ultimamente junto com outras marcas, como Volkswagen e Ford. Um bom exemplo da nova estratégia será a comparação do  pequeno Mirage com o crossover Outlander, dois carros da marca com identidades visuais diferentes.