Viagem

Foto: Divulgação

O carnaval acabou, mas as viagens continuam. Separamos algumas dicas nossas e do DETRAN-SP para você que costuma aproveitar os fins de semana em outro lugar e não quer ter problemas durante a viagem.

DOCUMENTAÇÃO

Se tem algo que um policial rodoviário vai querer ver se parar o seu carro é a documentação. Não vacile. Confirme se o documento do carro está em dia e se a sua habilitação não está vencida.

CINTO DE SEGURANÇA

Até o Governador de São Paulo já está careca de saber que todos os ocupantes têm de usar cinto de segurança, em especial os que vão no banco de trás. Em caso de o seu carro já ter passado por algum acidente, não se esqueça de substituir o cinto de segurança do ocorrido por um novo.

PNEUS E ESTEPE

De nada adianta se você está com quatro pneus novos se o seu estepe está careca, ou sem os sulcos de aderência necessários para se livrar de acidentes com asfalto molhado. Rende multa e apreensão do veículo.

SINALIZAÇÃO E FERRAMENTAS

É proibido viajar ou simplesmente transitar na estrada sem portar um macaco mecânico, uma chave de rodas e um triângulo de sinalização para o caso de quebra, furo de pneus ou alguma avaria que impossibilite seguir.

RETROVISORES

Esteja sempre atento às áreas de ponto-cego e não deixar para fazer os ajustes com o carro em movimento. A trepidação ou avaria grave dos espelhos complica a sua segurança. Preocupe-se também em não andar com os espelhos sujos ou embaçados.

LIMPADORES DE PARA-BRISA

As palhetas são itens de segurança e fazem a diferença na hora da chuva. Palhetas ressecadas não limpam o vidro e podem piorar a visibilidade.

MULTAS

Segundo o artigo 230 do Código de Trânsito brasileiro, circular sem os equipamentos de segurança rende 5 pontos na carteira, R$ 195,23, e retenção do veículo para regularização.