GM testa o novo Tracker na Argentina

Modelo reestilizado estreia no Brasil em 2017

Fotos: Ezequiel Z (Argentina Autoblog) e Divulgação

No início do ano, durante o Salão de Chicago, a GM apresentou pela primeira vez o facelift do Chevrolet Tracker – ou melhor, do Trax, como o carro é conhecido nos Estados Unidos. O modelo reestilizado será lançado no Brasil apenas em 2017, mas fotos publicados por nossos parceiros de Argentina Autoblog mostram que a GM acerta os últimos detalhes durante testes aqui perto, nas proximidades de Buenos Aires.

MUDANÇAS

O facelift foi mais intenso na dianteira: o Tracker traz faróis mais finos, grade com o novo padrão visto nos lançamentos recentes da Chevrolet, como o Cruze, e novo para-choque. Já a traseira teve apenas alterações leves no para-choque e nas lanternas.

No interior, o cluster abandona o atual mostrador digital por uma fórmula mais clássica. O painel também foi redesenhado e abriga a tela touchscreen de 7’’ polegadas do sistema MyLink, compatível com Android Auto e Apple CarPlay.

Nos Estados Unidos o Tracker tem lançamento marcado para as próximas semanas. Por lá, terá a volta do motor 1.4 turbo, o mesmo usado no novo Cruze, mas sem injeção direta e calibração para 140 cv e 20,4 mkgf de torque. A marca ainda não confirma se esse motor também será usado no Brasil ou se o Tracker vai manter o já conhecido 1.8 aspirado de 144 cv.

Compartilhe esse conteúdo



Comentários