Benetton de Piquet e Schumacher vai a leilão

Carro foi usado pelo brasileiro em sua última corrida e pelo alemão no primeiro pódio

Fotos: Divulgação

Comprar um carro de Fórmula 1 é um achado histórico. Comprar um carro que pertenceu a dois dos maiores nomes da história da categoria é uma oportunidade única. É o caso do Benetton B191 (chassi nº 6) das fotos acima, que será leiloado pela Bonhams durante um evento em Mônaco, no dia 13 de maio.

Projetado pelo lendário John Barnard – pai de carros famosos como os McLaren MP4/1 e MP4/2 – o Benetton foi o carro usado por Nelson Piquet em sua última corrida na Fórmula 1: um quarto lugar no GP da Austrália de 1992. No ano seguinte, na etapa de estreia da temporada na África do Sul, Martin Brundle assumiu o carro, mas não completou a prova por problemas mecânicas. Nas duas corridas seguintes (México e Brasil) foi a vez de um promissor Michael Schumacher assumir o volante e chegar duas vezes em terceiro.

O motor é um V8 3.5 fornecido pela Ford e capaz de despejar 790 cv. O câmbio, feito pela própria Benetton, é um manual de seis marchas. Segundo a casa de leilões, o carro está em perfeitas condições, o que significa que o comprador vai poder sair direto do evento para uma pista. A expectativa da Bonhams é que o carro seja leiloado por algo entre US$ 250 mil e US$ 320 mil. 

Compartilhe esse conteúdo



Comentários