Bateria

Foto: Divulgação

Você vai ligar o carro e percebe que o motor de arranque está sofrendo para dar a partida. Fique esperto, o problema pode ser a bateria! Mas calma, a gente explica para você todos os passos para efetuar a troca sozinho.

PRECISA TROCAR A BATERIA?

Antes de sair por aí comprando uma bateria nova, vá até um auto-elétrico e descubra se é ela que está perdendo a carga ou se é o alternador que não consegue enviar energia. Um amperímetro, para o alternador, e o voltímetro, para a bateria, vão dizer o que está realmente acontecendo

QUAL COMPRAR?

Cuidado para não comprar a bateria errada, afinal o que vale é a especificação do fabriucante quanto ao alternador. Não adianta nada comprar uma bateria de 60Ah se o alternador do seu carro tem capacidade para carregar apenas 45Ah.

FAÇA VOCÊ MESMO!

Primeiro você deve tomar o máximo de cuidado com peças metálicas para desfixar as partes da bateria da carroceria. Mesmo com carga baixa, ela pode dar algum choque. com ela desconectadas dos pontos de carga, tudo eletrônico do carro perde a memória. Itens como relógio e rádio devem ser reprogramados. Verifique também o polo que você está conectando. Comece pelo pólo negativo, para depois desconectar o positivo.

RECOLOCAÇÃO

Na hora de instalar a bateria nova, certifique-se de que você sabe mesmo quais são os lados que você deve conectar e onde. Muita atenção para não inverter os pólos na conexão. Caso você conecte o polo positivo do lado negativo, ou vice-versa, podem ocorrer danos irreparáveis para o sistema de injeção eletrônica (ou até uma quiema no módulo), controles de tração e estabilidade e até programações de modos de atuação do câmbio (Sport, Comfort), por exemplo.

CONECTOU?

Depois de estar certo de que os pólos estão no ponto certo, retire a embalagem plástica da bateria e fixe a bateria nos pontos indicados para prendê-la no veículo.